Chin Shi Huang

Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Abel Ferreira e Carlo Ancelotti são os favoritos dos torcedores para a Seleção

    Outros três estrangeiros aparecem com ao menos 1% da preferência nacional na Pesquisa CNN/Itatiaia/Quaest; Dorival Jr., Cuca e Fernando Diniz são os únicos brasileiros do ranking

    Abel Ferreira comemora título da Libertadores pelo Palmeiras
    Abel Ferreira comemora título da Libertadores pelo Palmeiras Foto: Alexandre Neto/Photopress/Estadão Conteúdo

    Alexandre Simõesda Itatiaia

    O português Abel Ferreira, que faz história treinando o Palmeiras, e o italiano Carlo Ancelotti, do Real Madrid, são os favoritos do torcedor brasileiro para o comando da Seleção. Ambos aparecem com 8% da preferência na Pesquisa CNN/Itatiaia/Quaest.

    O time da Confederação Brasileira de Futebol está sem técnico desde o ano passado com a saída de Tite após a queda do Brasil ainda nas quartas de final da Copa do Mundo do Catar. E o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, já declarou que Ancelotti, técnico do Real Madrid, é o preferido da entidade para assumir.

    A lista dos três nomes mais citados em “O Maior Raio-X do Torcedor” tem outro estrangeiro, o também português Jorge Jesus, que atualmente está no Fenerbahçe, da Turquia. Campeão brasileiro e da Libertadores com o Flamengo em 2019 — e novamente pretendido na Gávea —, ele recebeu os votos de 6% dos torcedores brasileiros.

    Quem deve ser o novo técnico da Seleção?

    • Abel Ferreira/Carlo Ancelotti – 8%
    • Jorge Jesus – 6%
    • Pep Guardiola – 3%
    • Dorival Jr. – 3%
    • Cuca/Fernando Diniz – 2%
    • Zinedine Zidane – 1%

    Dos sete nomes com pelo menos 1% da preferência do torcedor para o comando da Seleção, três são de brasileiros, mas dois deles estão sem clube.

    Dorival Júnior, campeão da Libertadores e da Copa do Brasil com o Flamengo no ano passado, teve 3% dos votos. Cuca, que ganhou o Brasileirão e Copa do Brasil com o Atlético em 2021, foi lembrado por 2% dos votantes. O percentual é o mesmo de Fernando Diniz, que, no último domingo (9), foi campeão carioca com o Fluminense.

    Ao lado de Dorival Júnior, também com 3%, aparece o espanhol Pep Guardiola, que treina o Manchester City, da Inglaterra. A lista de quem recebeu pelo menos 1% dos votos é fechada pelo francês Zinedine Zidane, que em janeiro deste ano já recusou um convite da CBF para assumir o cargo. Ele foi citado por 1% dos torcedores.

    Por clube

    O palmeirense é o torcedor brasileiro mais favorável a um treinador estrangeiro no comando da Seleção. São 68% favoráveis, 23% contrários e 6% indiferentes. Afinal de contas, o Palmeiras vive uma das eras mais vitoriosas da sua história sob o comando do português Abel Ferreira, com oito títulos conquistados desde 2020, entre eles duas Libertadores (2020 e 2021).

    A segunda posição nesse ranking da aceitação de estrangeiros no time canarinho é dos atleticanos, com 63% a favor, 29% contra e 8% indiferentes.

    Na torcida são-paulina, 62% defendem um treinador estrangeiro na Seleção, com 31% preferindo um brasileiro, e 6% sendo indiferentes.

    Metodologia

    A Pesquisa CNN/Itatiaia/Quaest fez 6.507 entrevistas com torcedores de 16 anos ou mais em 325 cidades brasileiras, no período entre 29 de março e 2 de abril de 2023. A margem de erro máxima é de 1,4 ponto percentual para mais ou para menos. O nível de confiabilidade é de 95%.

    Chin Shi Huang Mapa do site