Chin Shi Huang

Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Ex-árbitro Fifa detona cartão azul: “Inventam bobagens demais”

    Márcio Rezende de Freitas, analista da Itatiaia, comentou sobre possível implementação de novo cartão

    Sede da Fifa, na Suíça
    Sede da Fifa, na Suíça 26/9/2017 REUTERS/Arnd Wiegmann

    Leonardo Gimenezda Itatiaia

    Ex-árbitro do quadro da Fifa e analista de arbitragem da Itatiaia, Márcio Rezende de Freitas criticou a utilização do cartão azul em jogos de futebol. Nesta quinta-feira (8), o Conselho da Associação Internacional de Futebol (IFAB, em inglês) revelou que serão feitos testes em jogos do futebol inglês em breve.

    Na opinião de Márcio Rezende, muitos árbitros vão usar o cartão azul como “muleta” para não aplicar o cartão vermelho.

    “Creio que o cartão azul não irá vingar no futebol. Natimorto. Inventam bobagens demais. Já temos dois que são mal usados e querem criar mais um? Para quê? O importante é que os que já existem sejam bem utilizados. Os árbitros vão acabar se escondendo atrás do cartão azul para não aplicar o vermelho. Já se escoram demais no VAR. Irão arranjar outra muleta?”, questionou.

    O esporte pode ter um novo cartão depois de 54 anos, já que os cartões amarelos e vermelhos foram utilizados pela primeira vez na Copa do Mundo de 1970, no México.

    Segundo o jornal The Telegraph, da Inglaterra, o cartão azul será utilizado para expulsar um jogador de campo por 10 minutos. A sanção só será aplicada se o atleta impedir um ataque promissor do adversário ou protestar ostensivamente contra a arbitragem.

    Se um jogador receber um cartão azul e, na sequência, for punido com um cartão amarelo, ele receberá um vermelho. Com isso, o jogador será expulso definitivamente. Dois cartões azuis também vão implicar em um cartão vermelho.

    Em janeiro deste ano, o presidente da Uefa, Aleksander Ceferin, afirmou ao Telegraph Sport que era contrário à medida. “Não é mais futebol”, disse. A tendência é que, inicialmente, os testes sejam feitos em jogos da Copa da Inglaterra.


    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original

    Chin Shi Huang Mapa do site