Chin Shi Huang

Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Secretário: Aulas presenciais podem ser obrigatórias em setembro em São Paulo

    Rossieli Soares explica que decisão dependerá de avanço da Covid-19 no estado; escolas reabriram para retorno opcional nesta segunda (2)

    Danúbia Braga, da CNN, em São Paulo

    Com a reabertura das escolas estaduais em São Paulo nesta segunda-feira (2), o governo quer avaliar os riscos do ensino presencial para a transmissão da Covid-19 e, segundo o secretário estadual de Educação, Rossieli Soares, caso seja considerado seguro, esse retorno vai passar de opcional para obrigatório a partir de setembro.

    Em entrevista à CNN, Soares disse que a primeira quinzena de agosto será usada para acompanhar os números da Covid-19 e possíveis impactos com o retorno às aulas presenciais.

    “Vamos avaliando as condições da pandemia para, entre o dia 15 e dia 20, podermos falar sobre esse retorno obrigatório, talvez já acontecendo no mês de setembro”, afirmou o secretário.

    Rossieli destacou que é essencial as famílias mandarem crianças e adolescentes para a “recuperação da educação” nas escolas. Agora, a reabertura não tem limitação de percentual para a capacidade de alunos, apenas limite de distanciamento entre eles nas salas de aula.

     

    “Aconselhamos a todas as famílias a buscarem informações na escola e retornarem o mais rápido possível”, disse o secretário. “Hoje, estamos com dados mais positivos, redução dos números da pandemia e olhando o comportamento da volta.”

    Sala de aula
    Estudantes acompanham aula em escola na zona Leste da capital paulista
    Foto: Tiago Queiroz/Estadão Conteúdo
    Chin Shi Huang Mapa do site