Chin Shi Huang

Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Entenda as possíveis causas de manchas vermelhas nos olhos

    Na maior parte dos casos, a condição não afeta a visão e tende a desaparecer de maneira espontânea em poucos dias

    Problema tende a desaparecer de maneira espontânea em poucos dias, sem a necessidade de intervenção médica
    Problema tende a desaparecer de maneira espontânea em poucos dias, sem a necessidade de intervenção médica Westend61/Getty Images

    Lucas Rochada CNN

    em São Paulo

    Manchas de sangue nos olhos podem ser causadas por diferentes fatores.

    Na maior parte dos casos, a condição comum não afeta a visão e não chega a provocar dor. O problema tende a desaparecer de maneira espontânea em poucos dias, sem a necessidade de intervenção médica.

    Dúvidas sobre a condição de saúde ganharam espaço nas redes sociais após a deputada federal e presidente do Partido dos Trabalhadores (PT), Gleisi Hoffmann, aparecer com uma mancha vermelha em um dos olhos em entrevista à imprensa no início da semana.

    O que pode causar manchas vermelhas nos olhos

    Uma das causas de manchas vermelhas é o rompimento de pequenos vasos sanguíneos localizados entre a parte branca do olho e a membrana que a recobre, chamada conjuntiva.

    Entre as principais causas do derrame ocular, chamado tecnicamente de hiposfagma, estão:

    • costume de esfregar os olhos;
    • infecções oculares;
    • pancadas ou traumas;
    • esforço físico intenso;
    • aumento da pressão arterial
    • ou alterações na coagulação sanguínea.

    “A conjuntiva é fina membrana que recobre a esclera, o branco do olho. O aspecto estético do hiposfagma é uma mancha vermelha bem localizada, que aparece subitamente e não costuma provocar sintomas, sendo muitas vezes notada por outras pessoas”, explica o médico oftalmologista Michel Rubin, de Curitiba, no Paraná.

    Necessidade de tratamento

    O quadro tende a evoluir para resolução de maneira espontânea, como explica o médico oftalmologista Pedro Paulo Cabral, de Natal, no Rio Grande do Norte.

    “Na imensa maioria das vezes, não necessita de tratamento, visto que se trata de uma condição benigna e autolimitada, não havendo tratamento comprovadamente eficaz. Os pacientes devem ser informados que essa mancha vermelha irá desaparecer com o tempo. Normalmente pode durar de 7 a 20 dias, quando há uma diminuição do tamanho da área da lesão e variação de cor, passando pela coloração marrom, amarela em seguida desaparecendo”, explica o oftalmologista.

    De acordo com o especialista, casos de derrame ocular devem ser investigados se forem recorrentes e persistentes ou relacionados com algum sintoma.

    “O derrame ocular pode acometer todas as idades. Em jovens, normalmente são decorrentes de traumas na região ocular, ou uso de lentes de contato. No entanto, pessoas com mais idade, doenças vasculares sistêmicas como hipertensão, diabetes ou aterosclerose, podem ser o fator de origem da hemorragia”, explica.

    Traumas ou cirurgias

    Manchas vermelhas nos olhos também podem ser causadas pelo acúmulo de sangue no espaço entre a córnea e a íris. Nesses casos, o problema conhecido como hifema geralmente é causado por trauma no olho.

    A condição também pode ocorrer como resultado de cirurgia no interior do olho ou de uma anormalidade dos vasos sanguíneos na região ocular, de acordo com a Sociedade Brasileira de Ortopedia Pediátrica (SBOP).

    Diferentemente de manchas causadas por derrame ocular, os sintomas incluem dor nos olhos, embaçamento ou perda de visão e fotofobia ou sensibilidade à luz. Às vezes, o acúmulo de sangue é visível a olho nu.

    De acordo com a SBOP, o sangue de um hifema pode entupir os canais de drenagem do olho, causando um aumento na pressão intraocular, o que pode indicar necessidade de intervenção médica.

    O tratamento de envolve acelerar a reabsorção do sangue, tratar qualquer elevação da pressão intraocular e tentar evitar sangramentos adicionais.

    Chin Shi Huang Mapa do site