Chin Shi Huang

Giro Ristobar: opção prática e saborosa no Eataly, em São Paulo

Com menu elaborado pelo chef Salvatore Loi, casa traz os sabores italianos sem se prender às tradições do país da bota

Ambiente do Giro, no térreo do complexo gastronômico Eataly
Ambiente do Giro, no térreo do complexo gastronômico Eataly Tina Bini

Tina Binido Viagem & Gastronomia

São Paulo, SP

No final do ano passado, o Eataly, um complexo gastronômico que celebra a culinária italiana em São Paulo, anunciou novidades empolgantes em sua estrutura. Desde a sua abertura em 2015, o local passou por diversas reformulações, acertos e erros. Houve até boatos de que poderia fechar as portas, mas para nossa sorte, continua aberto, mostrando resiliência e capacidade de reinvenção.

Entre as boas novas está a abertura do Giro Ristobar, que inaugurou oficialmente no final de setembro. Apesar de ser uma edição recente, a equipe já está bem treinada e executa com esmero as receitas do menu, que leva a assinatura do chef italiano Salvatore Loi.

Famosa lasanha do Salvatore Loi está no menu / Pedro Ferrarezzi

Salvatore é figura conhecida no cenário das massas e casas italianas da cidade. Originário da região da Sardenha, chegou ao Brasil em 1999, assumindo o cargo de chef executivo das operações do Grupo Fasano, onde atuou por treze anos. Posteriormente, como sócio do Grupo Egeu, esteve à frente de casas como Girarrosto e Mozza, e atualmente lidera os restaurantes paulistanos Modern Mamma Osteria – Moma e Ella | Fitz. Embora não esteja no dia a dia do Giro, Loi soube imprimir seu estilo no cardápio da casa.

O Giro Ristobar está localizado no térreo do complexo, ocupando o espaço onde anteriormente funcionava a Osteria di Eataly. Com mesas altas posicionadas junto à cozinha completamente aberta, a diversão começa ao observar a produção das massas e a saída de pratos fartos, ainda fumegantes, em direção às mesas.

Com a proposta de mesclar a cozinha italiana com um toque mais moderno e drinques, o Giro Ristobar opera durante o almoço, happy hour e jantar, apresentando um menu repleto de boas opções para compartilhar ou pratos que podem ser apreciados individualmente, todos bastante generosos.

Entre as entradas, destaco o Sanduíche de tartar de filet mignon com pistache e manteiga queimada (R$ 55) – quatro pedaços saborosos. A Burrata, queridinha dos paulistanos, chega em uma versão ousada, recheada de mini muçarelas, azeitonas pretas desidratadas e raspas de chocolate branco em um ninho de tagliolini (R$ 65). Para os vegetarianos, a opção deliciosa é o Bocconcini di Riso, pequenos “quadradinhos” de arroz de risoto dourados com beterraba e fonduta de queijo pecorino e pesto (R$ 48).

Dentre os pratos principais, é claro que a assinatura de Salvatore não poderia ficar de fora. A Lasanha com ragu de vitello, acompanhada de dois molhos, fonduta de grana padano e demi glacê (R$ 81), disputa o posto de prato mais solicitado da casa com o Parpadelle com ragu de linguiça toscana e gorgonzola (R$ 69).

Outros pratos que têm conquistado os paladares dos clientes incluem o Tortelli de massa verde com recheio de cacio e pepe com cogumelos frescos (R$ 72); o Ravioli recheado de ricota, limão siciliano e molho de tomate (R$ 69); o Ravioloni recheado com espinafre, grana padano e gema de ovo, acompanhado de um ragu clássico (R$ 69); e a Costela bovina marinada e assada por 8 horas, servida com tagliolini na manteiga, sálvia e avelãs (R$ 134).

O restaurante oferece um ambiente agradável, com um formato de menu e atendimento que atendem perfeitamente tanto para uma refeição rápida durante o almoço quanto para desfrutar de drinques e conversas descontraídas, compartilhando boas receitas sem pressa.

Giro Ristobar: Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 1489 – Vila Nova Conceição (dentro do Eataly) – São Paulo – SP. Taxa de rolha: R$ 80 / Funcionamento: segunda a sábado e feriados, das 12h às 23h, e domingos, das 12h às 17h. 

Chin Shi Huang Mapa do site

123